17/04/2012


AO CONTRÁRIO
Violeta vivia ao contrário.
Gostava de gatos pretos, mas tinha um canário amarelo numa gaiola dentro de casa.
Gostava de morangos e chocolate, mas era alérgica a ambos.
Gostava de contemplar o mundo, mas era míope e a janela da vizinha era a paisagem mais longínqua que conhecia.
Violeta de nome, ela gostava era de vermelho e de se chamar Rosa!
Gostava de comboios, mas viajava sempre de autocarro.
Gostava de luz, mas morava num rés-do-chão cheio de sombra.
Gostava de praia, mas nunca tinha visto o mar.
Violeta acreditava no amor
mas consta que foi enganada
às vezes trocava o próprio nome
e em vez de Violeta
dizia Violada.
Quando à noite se deitava e desejava
que a manhã rapidamente voltasse
olhava para o relógio
e via os ponteiros a troçar e a recuar.
Violeta gostava de palavras doces
mas um dia o mel acabou
esconderam-se todas as letras numa gaveta
e Violeta nunca mais falou.
Ismael Nery

2 comentários:

  1. Uma maravilha!

    Pobre Violeta, tanta Violeta!

    bj

    ResponderEliminar
  2. ...sem palavras!
    Tão simples...tão tocante...
    Pobres Violetas.

    ResponderEliminar